sábado, 14 de setembro de 2019

Obras de revitalização na Asa Sul estão em fase de finalização

Previsão é de que os serviços sejam concluídos ainda neste mês

Projeto de revitalização da W3 Sul é uma parceria entre o GDF e a Câmara de Dirigentes Lojistas | Foto: Secretaria de Obras e Infraestrutura.
A obra de revitalização das quadras 511/512 Sul, experiência-piloto para recuperar toda a via W3 Sul, está chegando ao fim. Com 98% dos serviços executados, no momento os operários trabalham na finalização das calçadas da W2 Sul e na lavagem dos estacionamentos e do novo piso das calçadas e dos becos entre os blocos.

“As calçadas em frente às lojas na W2 Sul variavam muito. Em alguns comércios eram degraus, em outros rampas”, explica o subsecretário de Acompanhamento e Fiscalização de Obras, Sérgio Lemos. “Nós tivemos que encontrar solução que trouxesse mais conforto aos usuários e, ao mesmo tempo, não alterasse sobremaneira a fachada das lojas”, acrescenta.

O projeto de revitalização da W3 Sul é uma parceria entre o Governo do Distrito Federal e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). O GDF está arcando com a melhoria dos espaços públicos (custo de R$ 1,8 milhão) e, em contrapartida, os lojistas estão reformando as fachadas das lojas.

Lavagem abrange estacionamentos e novo piso das calçadas e dos becos entre os blocos | Foto: Secretaria de Obras e Infraestrutura.

Melhoria dos negócios

O Secretário de Obras, Izídio Santos, adianta que o projeto de revitalização das quadras 513/514 e 509/510 Sul está em fase avançada e a ideia é que as obras comecem ainda em 2019.

“A revitalização da W3 Sul e Norte é uma das prioridades da atual gestão. Queremos devolver à W3 a condição de grande polo comercial do DF”, afirma.

Para o comerciante Eduardo, proprietário de loja em uma das quadras revitalizadas, as intervenções feitas pelo GDF trarão os clientes de volta e vão alavancar as vendas. “Não tínhamos uma calçada decente aqui. Estamos muito otimistas”, diz.

“Ainda não sentimos o aumento de clientes, até porque as obras ainda não foram concluídas. Pela frente da loja já está bem mais fácil transitar, mas por trás ainda está uma bagunça”, completa, referindo-se à Avenida W2, onde as calçadas ainda estão sendo quebradas e reconstruídas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário