sábado, 9 de maio de 2020

Lei aprovada com apoio de sindicato facilitará coleta de lixo nos condomínios horizontais do DF

O Sindicato dos Condomínios Residenciais e Comerciais do DF (Sindicondomínio), entidade da base da Fecomércio, elogia a aprovação em primeiro e segundo turno na Câmara Legislativa do DF do projeto de lei 1147/2020, de autoria do deputado distrital João Cardoso, que trata sobre a coleta de lixo pelo SLU nos mais de 1.525 condomínios horizontais de todo o DF



Com a nova lei, os caminhões do SLU passam a entrar nos condomínios privados para recolher os resíduos porta a porta – aprovado no dia 5 de maio, o projeto agora aguarda sanção do governador Ibaneis Rocha.

De acordo com o presidente da entidade, Antônio Paiva, os condomínios residenciais compostos por casa são de vários tamanhos, alguns chegando a ter de 2 mil a 4 mil residências. Ele explica que atualmente essa coleta só é realizada na entrada do condomínio, ou em algum local de transbordo. “Tem condomínio que gasta cerca de R$ 12 mil para fazer a coleta e entregar para o SLU. Essa lei foi uma luta do sindicato para desonerar esses condomínios em tempo de crise. Trará uma economia financeira muito boa para aplicar em outros recursos ou até mesmo abaixar a taxa cobrada aos moradores”, ressalta.


Paiva diz inda que na próxima segunda-feira (11) enviará um ofício ao GDF, com apoio da Fecomércio, para que o projeto seja sancionado. O deputado João Cardoso se disse satisfeito por atender uma reivindicação dos condomínios e que a aprovação desse projet representa o jeito de trabalhar de seu mandato, que é ouvindo todas as partes interessadas para resolver o problema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário